Especial Sessão da Tarde: O Diário da Princesa (2001, de Garry Marshall)



Quem nunca sonhou em ser da realeza ou simplesmente fazer parte dessa magia? Pois bem, a vida de Mia Thermopolis (Anne Hathaway) vira do avesso ao descobrir que sua avó é uma rainha e que ela, agora precisa aprender a ser uma princesa e nesse meio tempo, descobre que nem tudo são rosas na vida monarca. Confira a crítica a seguir:



Mia é uma garota de vida normal que aos 15 anos descobre que na verdade seu pai era Príncipe de Genóvia e o pior, que todos mentiram para ela até então. Ela então recebe a visita de sua avó, a Rainha Clarisse (Julie Andrews) que precisa que ela ocupe o cargo que lhe é de direito. Instantaneamente a garota simples vira notícia e então ela percebe que nem tudo são flores, já que ela começa a sofrer com toda essa fama, antes ela não era uma pessoa muito popular e de uma hora para outra todos começam a querer aparecer à suas custas. Ela então tem que aprender a lidar com a fama, com aulas de etiqueta, entre ter que escolher ser uma princesa ou continuar morando com a mãe em São Francisco.


O filme coloca a personagem no lugar onde tantas outras pessoas gostariam de ter, mas sem saber de fato as responsabilidades e consequências que tal posição oferece. Mia que era insegura, passa por um período de descobertas consigo mesma e mostra que tudo é possível desde que tenha apoio. Sua mãe é de grande importância nessas escolhas, já que é a única figura materna e até então, a única pessoa que havia sobrado em sua família.  

O filme é simplesmente encantador, já que quebra alguns paradigmas e nos faz ver o lado de Mia que é uma personagem que esbanja simpatia, um conto de fadas possível até certo ponto. A personagem de Anne em tela é simples, amorosa e caridosa, que faz todos se apaixonarem por ela, inclusive seus novos súditos. Apesar de toda a dificuldade no começo ela se transforma em uma adorável princesa. Inclusive a estética do filme nos leva aos anos 90 e nos faz viajar por uma belíssima Genóvia, a trilha sonora também é bem leve e encaixa como uma luva nos personagens, ou seja, não é atoa que esse filme é memorável. As atuações são bem críveis, com um roteiro redondo e bem engraçado, mesmo nos momentos "tensos" e por mais que o tempo passa, a magia desse filme continua a mesma.


Título Original: The Princess Diares

Direção: Gary Marshall

Duração: 115 minutos

Elenco: Anne Hathaway, Caroline Goodall, Heather Matarazzo, Julie Andrews

Sinopse: Mia (Anne Hathaway) é uma garota de 15 anos que vive com sua mãe (Caroline Goodall) em Manhattan e repentinamente descobre que seu pai é na verdade o Príncipe de Genovia, um pequeno país europeu. Ela recebe então a visita de sua avó recém-descoberta (Julie Andrews), que passa a lhe dar aulas de etiqueta, ensinando-a como se deve portar uma princesa. Mas quando se aproxima a data de seu aniversário ela precisa definir que caminho pretende tomar em sua vida: tornar-se uma princesa e se mudar para Genovia ou permencer em Manhattan morando com sua mãe.



Trailer:

Gosta do filme? Conta para gente!

Natália

Nada do que eu disser será verdade

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário