Crítica: Once a Gangster (2010, de Felix Chong)


Once a Gangster é uma sátira a filmes de gângsters que marca o debute solo de Felix Chong na direção. Com um tom de humor muito único, o longa-metragem se utiliza da paródia logo na escolha de seus protagonistas: Jordan Chan e Ekin Cheng. Muito conhecidos pela franquia de filmes Young and Dangerous que em seu título traduzido traria o nome "Jovens e Perigosos" – são escolhidos para estrelar como gângsters quatorze anos depois do primeiro longa da franquia citada e, portanto, quatorze anos mais velhos – sendo que em Once a Gangster, seus personagens vão contra o óbvio e não têm nenhuma ambição de serem um grande Don do mundo do crime.

A história acompanha o jovem Siu Gam Nam, que logo é apelidado de Porco Assado pelo chefão da gangue, Querosene. Porco Assado é iniciado na gangue, mas ele não tem a pretensão de se tornar um grande criminoso; seu desejo desde o início é ter a oportunidade de abrir seu próprio restaurante.


Vinte anos se passam e Porco Assado atinge seu objetivo. Todavia, tudo muda quando Querosene se endivida e decide escolher um sucessor para ficar em seu lugar e, consequentemente, com suas dívidas. Porco Assado é o escolhido, mas o problema é que ele não quer tomar esse posto.

Em seguida, mais uma reviravolta surge. Pérola, descendente direta do fundador da gangue, reivindica que seu filho – conhecido como Andorinha – torne-se o novo Don, já que ele acaba de sair da prisão após vinte anos de condenação. Novamente a surpresa: diferente da vontade de sua mãe, Andorinha prefere estudar a economia de Milton Friedman e ir para uma universidade. A decisão final, então, é que o indivíduo que encontrasse o simbólico Bastão Cabeça de Dragão se tornaria o novo líder.

Duas réplicas do Bastão Cabeça de Dragão. Qual será o verdadeiro?
Aqui, pode-se ressaltar o quão os personagens são interessantes. Além de Porco Assado e Andorinha, que claramente não são gângsters comuns, há outras grandes figuras na trama: Yan, um policial descuidado que escancara seus disfarces e sempre é descoberto quando se infiltra em alguma missão; Tesoura, que mal consegue diferenciar a esquerda da direita; Pérola, a enérgica super-protetora mãe de Andorinha; Nancy, esposa de Porco Assado, que perpassa qualquer "limitação" de coadjuvante e rouba qualquer cena em que está e Querosene, o memorável Don inicial da gangue.


O longa-metragem teve um baixo orçamento de produção e contornou bem essa dificuldade. Diversas vezes, a fotografia lança mão de muito contraste de luz e sombra em ambientes escuros. Esse fator, entretanto, não vai contra o enredo. Tratando-se de encontros entre gângsters, – ainda que gângsters atrapalhados e que nos façam rir – a medida casa perfeitamente.

A falta dos encontros físicos entre Porco Assado e Andorinha durante o enredo é o que deixa um pouco a desejar. O espectador torce para que eles se trombem, para que mais da relação dos dois seja apresentado, mas isso só acontece nos momentos finais do filme.


A obra toma um teor mais divertido ao fazer referências a grandes filmes de gângster de Hong Kong. O policial Yan é uma clara sátira ao personagem do ator Tony Chiu-Wai Leung em Conflitos Internos – que o próprio Felix Chong co-roteirizou. Outro exemplo é a situação da eleição e a simbologia do Bastão Cabeça de Dragão, semelhante ao que aparece em Election, de Johnnie To. Além do já citado Young and Dangerous.


Como paródia, o filme funciona muito bem. É uma obra que levanta algumas questões problemáticas do submundo dos gângsters de forma despretensiosa e não é um filme que põe o espectador em choque com as ideias apresentadas – e tudo bem, diga-se de passagem! Faz parte do que ele se propõe. Os personagens do arco de protagonismo – Porco Assado e Andorinha – terminam sua jornada bem; e quem assiste também. A diversão é garantida!



Título original: 飛砂風中轉

Direção: Felix Chong

Duração: 95 minutos

Elenco: Jordan Chan, Ekin Cheng, Alex Fong, Michelle Ye, Chan Chi-chung, Yu On-on, Wilfred Lau e outros

Sinopse: um ex-membro da tríade só quer viver uma vida normal, mas tudo pode mudar quando o chefe da gangue insiste para que ele seja seu sucessor. 


Trailer:

Vale a pena conferir o debute de Felix Chong se não viu ainda! 
E você, já assistiu? Conte para gente o que achou! :)


Amanda Dionigi

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário