A Equipe do Blog Comenta: Atlanta (2016 - 2018)



O rapper Childish Gambino alcançou um feito de poucos vídeos no Youtube: o clipe de sua música This Is America foi visualizado 10 milhões de vezes em apenas 24 horas!!! Com uma pesada crítica, This Is America é uma música que te põe pra pensar e seu clipe, recheado de simbologias, é, em alguns momentos, indigesto.

Childish Gambino é o nome artístico que Donald Glover utiliza para se apresentar no cenário musical. Glover é o tipo de cara "faz tudo" que se destaca muito e de forma positiva: ele escreve, produz, dirige, atua, canta, assovia e chupa cana! E é exatamente sobre uma de suas obras de maior destaque que falaremos para você: Atlanta. Uma série original ao extremo, repleta de referências e com um conteúdo ácido que, com certeza, vai chamar sua atenção, ganhando nada mais, nada menos, que 2 Globos de Ouro no ano de 2017 como Melhor Série de Televisão Musical ou Comédia e Melhor Ator em Série Musical ou Comédia (Donald Glover), além de vários outros prêmios. Então vem com a gente, nesse especial que preparamos sobre a série para conferir porque Donald Glover é tão bom no que faz!


Em Atlanta acompanharemos a vida de Earn (Donald Glover), que está praticamente falido, sem uma casa para morar e ainda tem uma filha para sustentar com Vanessa (Zazie Beetz). Ao ver que o primo Al (Bryan Tyree Henry), ou mais midiaticamente falando, Paper Boi, está iniciando carreira como rapper, ele decide atuar como agente, tentando conseguir algum sucesso para o primo e alguns trocados para si. Para completar a turma de desajustados, ainda temos Darius (Lakeith Stanfield), uma espécie de guarda costas de Al, que possui um quê filosófico em suas falas, muitas delas regadas à muita maconha.

Atlanta possui duas temporadas lançadas, com episódios curtos variando de 23 a 35 minutos, sendo que a primeira temporada possui 10 episódios e a segunda, 11, porém, cada episódio possui muito conteúdo, abordando de forma dolorosamente cômica a precária vida de nossos protagonistas, tendo principalmente o racismo como pauta principal, com um humor ácido inquietante.


Matheus Valência comenta: 

Antes de tudo, precisamos agradecer a boa fase pela qual as séries americanas estão passando; atualmente temos grandes espetáculos audiovisuais com os mais demasiados gêneros e, aparentemente, esse fluxo só aumenta, e em meio a esse campo frutífero de novas ideias e sucessos estrondosos, surge Atlanta, idealizada, roteirizada e dirigida pelo gênio em ascensão, Donald Glover, que também atua e compõe a trilha sonora de alguns episódios. 

Não é de se exigir que um homem com tanto talento comandando tantos cargos técnicos entregue algo perfeito, mas quase que por um milagre, ele chega perto disso, com pouquíssimos solavancos durante suas duas temporadas. Atlanta é, hoje, e talvez por muito tempo ainda seja, uma série com uma história tangível e ao mesmo tempo criativa, que une o útil, com críticas à indústria da música, à desigualdade racial e ao estilo de vida americano, ao agradável, com uma boa dose de humor contrastado nas situações mais mirabolantes, saídas diretamente da mente de Donald Glover, mas também ao lado de Lakeith Stanfield, Bryan Tyree Henry, Zazie Beetz e mais recentemente com a adição de Khris Davis como Tracy.



Os episódios contam algo que vai além de uma simples ficção, sendo uma verdadeira experiência de interação entre o público e os personagens, como se todas as histórias ali representadas pudessem ser vividas por nós mesmos, em algum canto dos Estados Unidos, do Brasil, ou do mundo, sem que perdessem sua moral, ou, acima de tudo, as referências entre as linhas do roteiro pelas quais Donald Glover é tão famoso.

Episódios favoritos: B.A.N (1ª Temporada), Woods (2ª Temporada), North of the Border (2ª Temporada).


Eduarda Araujo comenta:

Sabe quando você se depara com uma situação em que ri de nervoso? Porque a situação é até engraçada, mas é tão triste que você se segura para não chorar ou para não cair numa tristeza... Bom, basicamente, é nesse contexto que Atlanta se encaixa. Seus episódios curtos, mas extremamente ácidos, mostram situações inusitadas de nossos personagens, que tentam viver em meio a um mundo inóspito para eles e mal sobrevivem. Eu diria que essa é uma série obrigatória de se assistir, pois trata dos mais variados temas de forma simplista, mas que incomoda profundamente.


Com uma primeira temporada que é composta de episódios mais aleatórios, mas com conexão entre si, a série vai nos trazer situações absurdas de forma a balancear a realidade que os jovens negros enfrentam nas periferias de Atlanta. Já a segunda temporada tem um enfoque mais pessoal  na vida dos personagens principais, trazendo flashbacks de suas infâncias como forma de contextualizar seus comportamentos e situações atuais, sendo que possui episódios maiores e um gancho para uma terceira temporada que nos deixa apreensivos.



As atuações extremamente convincentes e envolventes (eu amo o casal Earn e Vanessa <3 ), uma recheada trilha sonora e algumas participações especiais são alguns dos aditivos que fazem com que essa seja uma das melhores séries da atualidade, cheia de referências políticas, musicais (mesmo que de forma assustadoramente satírica, vide Teddy Perkins ou Justin Bieber negro) e ainda filosóficas. Uma primorosa criação de Donald Glover que justifica suas premiações e todo burburinho em torno da produção.

Episódios favoritos: B.A.N (1ª Temporada), Juneteenth (1ª temporada), Teddy Perkins (2ª temporada), FUBU (2ª temporada).


Título Original: Atlanta

Direção: Hiro Murai, Donald Glover, Amy Seimetz, Janicza Bravo.

Episódios: 10 (1ª temporada); 11 (2ª temporada).

Duração: 25 minutos (1ª temporada); 30 minutos (2ª temporada).

Elenco: Donald Glover, Lakeith Stanfield, Bryan Tyree Henry, Zazie Beetz, Khris Davis, Harold House Moore, Griffin Freeman, Emmet Hunter, Cranston Johnson, Myra Lucretia Taylor, Isiah Whitlock Jr., e outros.

Sinopse: Earnest Earn Marks (Donald Glover) sai da faculdade para virar o agente da carreira de súbito sucesso de seu primo, Paper Boi (Bryan Tyree Henry). Porém, os dois discordam em diversos pontos sobre a divisão entre arte e entretenimento no hip-hop.

Trailer - 1ª temporada

Trailer - 2ª temporada

Já sabia que a série foi renovada e está prevista uma terceira temporada para este ano?! Será lançada no serviço de streaming pago da Fox. Animadxs?

Eduarda Souza

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário