TOP 5: Séries que acabaram cedo demais!



Já assistiu àquela série que era boa, mas não teve um final? Neste especial, vamos listar 5 séries que chegaram, no máximo, até à segunda temporada, mas que acabaram, seja por falta de público ou por algum outro motivo, mas que com certeza tinham muito potencial de história para continuar.

5-  Feed the Beast (2016)


Produzida pela AMC, e com apenas uma temporada, a série era protagonizada por David Schwimmer (Thomas "Tommy" Moran) Jim Sturgess (Dion Patras), e mostrava a história de dois amigos, um ex-somelier bêbado e um chef de cozinha drogado, porém prodígio, que estragou seu futuro colocando fogo no último restaurante que trabalhou, que abrem o restaurante de seus sonhos.

Ao assistir o primeiro capítulo, você é transportado para um mundo de anti-heróis que te conquistam e fazem com que queira maratonar todos os episódios. 

Sem um final significativo e com muitas pontas soltas, vale a pena por ver o memorável Ross, de Friends, de uma maneira diferente, além de observar as trapalhadas de Dion. Tramas paralelas, além da audiência baixa, infelizmente não foram uma boa para renovar a temporada. Uma pena.

4 - Pushing Daisies (2007-2008)



Com duas temporadas, Pushing Daisies, foi produzida pela ABC, e conta a história de um confeiteiro que tem o poder de trazer pessoas mortas temporariamente à vida. A série foi um sucesso de crítica e ganhou diversos prêmios, porém, a segunda temporada não conseguiu sobreviver à crise dos roteiristas de 2008.

Com um visual que lembra O Fabuloso Destino de Amélie Poulain, a série investigativa tinha tudo para render novos episódios e com certeza sabemos que foi cancelada cedo demais, pela queda de audiência devido à demora da segunda temporada.

3 - “Don’t Trust The B---- In Apartment 23”, (2012-2013)


Mais uma série produzida pela AMC e descontinuada, tinha como protagonista June (Dreama Walker), que se muda para Manhattan, começa a trabalhar em uma cafeteria e morar com a excêntrica, manipuladora e sociopata Chloe (Krysten Ritter). Uma série nada previsível que nos deixou tristes por ter sido cancelada, pois o humor negro era incrível.   

2 - The New Normal (2012)


Para mim, com certeza, uma das melhores séries que infelizmente tiveram um fim repentino, após a primeira temporada. O enredo conta como o casal David (Justin Bartha) e Bryan (Andrew Rannells), contratam uma barriga de aluguel, Goldie (Georgia King). 

Goldie passa então a morar na casa de hóspedes deles, com sua filha. Piadas inteligentes, um elenco fantástico e uma história engraçada fazem de New Normal um ótimo entretenimento. 


Infelizmente, pela baixa audiência e protestos pelo novo modelo de família, a série foi cancelada, mas fica o apelo para que a Netflix possa ressuscitá-la.   

1 - Sense 8 (2015/2017)


O mais famoso caso de cancelamento de série dos últimos tempos, Sense 8, produzida pela Netflix, teve apenas duas temporadas.

Conta a história de oito desconhecidos de várias etnias, idades e personalidades que possuem uma conexão mágica, onde conseguem se comunicar e trocar habilidades, para se protegerem da extinção.

Por ser uma série cara demais (tinha que ser filmada em diversos países, por conta dos personagens), e sem retorno financeiro expressivo, foi cancelada. 

Porém, com o apelo dos fãs, a Netflix fez um último episódio, que será disponibilizado no próximo dia 08 de junho. O trailer do episódio final já esta disponível, confira abaixo:


E você, já assistiu a alguma das séries? Sente falta de qual? Não esqueça de curtir e compartilhar com os amigos :)

@LillyDzura

Criativa, Cinéfila, Curiosa, acredita que os filmes influenciam em sua vida como lições que podem ser aprendidas sem que aquilo tenha acontecido em sua vida. Acha que toda história tem dois lados e que sempre há alguma coisa de bom para ser aprendido no que deu errado.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário