Fome - A degradação humana em nome de uma causa





Algumas pessoas acreditam tanto em uma causa que são capazes de fazer os maiores sacrifícios por ela. ‘Fome’ (2008), conta a história de algumas dessas pessoas. O ano é 1981 e a tensão entre o Exército Republicano Irlandês Provisório (IRA), que desejava separar a Irlanda do Norte do Reino Unido e anexá-la à República da Irlanda, e a primeira ministra britânica Margaret Thatcher era crescente. Os presos políticos exigiam ser tratados como tal, e não como presos comuns e, por isso, se recusavam a cumprir alguns protocolos das penitenciárias, como usar uniforme. Nesse cenário, onde eles são capazes de sujar todas as paredes das celas com suas próprias fezes como forma de protesto, somos apresentados a Bobby Sands, um dos membros do IRA. Sua primeira cena já deixa claro o problema existente entre os policiais e o preso: Sands é agredido enquanto luta com todas as suas forças para não ter o cabelo e a barba cortados. É depois disso, no entanto, que ele decide colocar o seu nome na história em nome da causa que defende: inicia uma greve de fome, que duraria 66 dias, resultando em sua morte. 


Pura arte: cenas de filmes com poesia, metáforas, abstratos, psicodélicos e ângulos de câmera inspirados.


Hoje trazemos uma matéria diferenciada, bem mais visual do que lida. Trazemos uma seleção de cenas e imagens de vários filmes, que apesar de estilos e gêneros diferentes, ambos carregam arte e interpretações nas suas entrelinhas. Algo que sempre me chamou muito a atenção no cinema é o que está por trás das imagens. Há a situação em cena, como uma ação, efeitos especiais ou cenas dramáticas e bem atuadas. Mas analisando mais profundamente, há outras coisas implícitas ali. Há momentos em que o diretor, os roteiristas, o pessoal da direção de arte e toda equipe do filme decidiu colocar de maneira indireta elementos que fazem referência a algo mais, seja uma metáfora, um sentido reflexivo, uma poesia abstrata ou uma homenagem. Alie isso com alguns ângulos de câmera inspirados de certos cineastas, que apenas enriquecem ainda mais o filme. Temos assim algo que beira uma obra de arte. E nosso intuito com esta postagem é justamente isso, dar pequenos exemplos visuais que mostram muito além do que um simples entretenimento. Leia atentamente nossas breves descrições. Mas acima de tudo veja bem estas imagens, olhe e olhe novamente bem de perto e com a mente aberta. Consegue enxergar?

TOP 10: Filmes com Noivas ou Casamentos


O mês de maio está no fim, mas não custa relembrar – talvez nem todos, ou quase ninguém saiba – que maio é o mês das noivas. Por ser um tema que acho bem agradável e de modo geral os filmes que trazem essa temática sempre são bem românticos e divertidos, pois é uma forma de celebrar o amor, ainda mais em itens do top que se trata de franquias e serve de link pra outra data romântica que se aproxima que é o dia dos namorados. 

Crítica: Olhos da Justiça (2015, Billy Ray)



Crítica: The Whispers (2015, de Charles Beeson, P.J. Pesce, Brad Turner, Holly Dale, Mark Romanek)



Disponível no serviço de Streaming do Canal Sony Brasil, a nova série ‘The Whispers’, que traduzido literalmente significa ‘Os Sussurros’ foi lançada e surpreendeu. É um suspense misturado com ficção científica repleto de muitos mistérios. Com apenas 13 episódios de 40 minutos cada aproximadamente, ela reúne vários rostos conhecidos pelo público, atores que já trabalharam em outros seriados e filmes recentes, mas que aqui, merecem destaque, pois a série é top!

Crítica: Battleship - A Batalha dos Mares (2012, de Peter Berg)


O filme 'Battleship - A Batalha dos Mares' é uma produção que conta a história envolvendo aliens e a marinha. Tudo começa com uma mensagem que é enviada ao espaço pela NASA, quando misteriosos aliens captam a mensagem e invadem a Terra, sem sabermos o que eles querem ou o que pretendem fazer com os humanos. Em paralelo, acontecem jogos navais no Havaí, principal foco do filme onde os aliens travam batalhas navais com a Marinha. É um filme perfeito para quem curte o estilo 'Transformers', pois tem boas batalhas  sem muito sentido.





SCORPION (Nick Santora, 2014)




Scorpion é uma série norte-americana da CBS, transmitida no Brasil pelo canal Sony. Inspirada na vida do irlândes Walter O’brien, um gênio da nossa era que aos 13 anos invadiu os servidores da NASA apenas por diversão. O cara tem um QI de 197, para você ter uma ideia, Einstein tinha 160. Atualmente O’brien contribui para o governo americano em diversas situações envolvendo programação, atua na área de cybersegurança, sendo fundador da Scorpion Computers Systems que deu origem ao nome da série é também um dos produtores executivos da mesma. Esse é o verdadeiro Walter O'brien:

Crítica 3: X-Men: Apocalipse (2016, de Bryan Singer)




Mais uma superprodução chegou aos cinemas e o 'Minha Visão do Cinema' foi logo conferir. 'X-Men: Apocalipse' veio envolto de muitas expectativas tanto por abordar um dos maiores conflitos do universo mutante quanto por concorrer de frente com grandes outros filmes baseados em super heróis e HQ's neste ano. E de fato este estilo está muito bem representado em 2016. 'Deadpool' foi insano, o injustiçado 'Batman vs Superman' foi sólido e sombrio e 'Capitão América: Guerra Civil' foi divertido e emocionante. Bem, o que dizer deste novo capítulo mutante?

Crítica 2: X-Men: Apocalipse (2016, de Bryan Singer)





Mais um filme de super heróis que estreia em 2016, 'X-Men: Apocalipse' é um filme que busca dar continuidade a saga dos mutantes no cinema, desta vez, lutando para salvar os humanos da ira do vilão Apocalipse (Oscar Isaac), o mutante original que acredita ser um Deus que busca "limpar" a Terra.




Agenda e trailers com os principais lançamentos no cinema em Junho:


Estamos na temporada de fortes lançamentos e superproduções do cinema, isto porque lá nos Estados Unidos é verão e chegam os blockbusters mais esperados do ano. O mês de Junho será marcado por grandes filmes e o 'Minha Visão do Cinema' traz agora a agenda com as datas e os trailers dos principais lançamentos do mês que está chegando. Confere aí e programe-se:

*02 de Junho

Warcraft - O Primeiro Encontro de Dois Mundos



O sucesso dos livros e das trilogias de filmes 'O Senhor dos Anéis' e 'O Hobbit' originaram diversos produtos da cultura pop que aproveitam este universo de fantasia medieval. Um destes produtos é uma franquia da games chamada 'Warcraft', que ganha agora seu primeiro filme. Ele traz a difícil missão de tanto representar o material de origem como de ser uma boa adaptação de um jogo, algo ainda mais difícil de acontecer. O trailer ao menos parece empolgante e grandioso.


Trailer: A Bela e a Fera - Lançamento para 2017!



'A Bela e a Fera', animação de 1991 continua como um dos maiores marcos na história da Disney, com recordes de bilheteria, várias indicações ao Oscar (incluindo Melhor Filme, algo difícil para uma animação) e junto com 'O Rei Leão' é uma das mais bem conceituadas dentre as velhas animações em 2D. Com o atual sucesso dos filmes com atores reais (live actions) baseados nas clássicas animações, como 'Cinderela' e 'Mogli', chega a vez de 'A Bela e a Fera' ganhar sua nova versão.

O filme só estreia em 2017 mas seu trailer já está dando o que falar. Quebrou vários recordes de visualizações e já se aponta como um dos possíveis líderes de bilheteria para o ano que vem. Sem dúvida grande parte deste sucesso em torno do trailer é o fato do vídeo trazer cenas extremamente fiéis ao desenho de 1991, como a direção de arte, a criação dos belos cenários e a emocionante trilha sonora. A música é a mesma da canção principal da animação. No papel da Bela teremos Emma Watson, a Hermione da franquia 'Harry Potter'.

Não viu o trailer ainda? Já viu e quer rever? Confere aí, com o som bem alto:



Nos cinemas em 2017.

Comenta aí o que achou!



Crítica: Quase Famosos (2000, de Cameron Crowe)



Cameron Crowe, apesar de ter uma relativamente pequena e não tão destacada filmografia, dirigiu alguns filmes bem conhecidos como 'Vanilla Sky', 'Jerry Maguire' e 'Tudo Acontece em Elizabethtown'. Além de excelente diretor, Cameron é também um amante da música e especialmente do Rock 'n' Roll, somando ambas características, Crowe escreveu e dirigiu a obra 'Quase Famosos', um filme que é um verdadeiro deleite principalmente para os apaixonados pela arte da música.

Crítica: Rei TUT (2015, de David Von Ancken)



Lançada há alguns meses atrás no canal ‘The History’, chega ao Brasil a nova minissérie intitulada ‘Rei TUT’. Ela mostra a vida deste tão grande faraó, explorando o drama de poder, política, guerra e assassinato, além de narrar a ascensão do jovem rei Tutancâmon à glória, os seus esforços para governar um império Egípcio caótico e o enigma em torno de sua morte. Confira caso você se interesse na temática.

Crítica: Jekyll & Hyde (2015, de Stewart Svaasand, Colin Teague, Joss Agnew, Robert Quinn)



Lançada há alguns meses atrás no canal britânico ITV, a série ‘Jekyll & Hyde’ traz uma história que já foi levada para as telas inúmeras vezes e virou série de TV. Os diretores apostaram alto em recriá-la para um seriado com apenas 10 episódios de 40 a 45 minutos e olha, eles acertaram, porque o resultado foi muito bom!

Crítica: Os Excêntricos Tenenbaums (2001, de Wes Anderson)




Em se tratando de direção, roteiro e simetria, Wes Anderson dá um verdadeiro show, 'Os Excêntricos Tenenbaums' é um exemplo perfeito disso. Com um roteiro escrito por Wes Anderson em parceria com o ator Owen Wilson, que também integra o elenco do filme. 'Royal Tenenbaums' é uma comédia leve, bonita e emocionante.

Crítica: X-Men - Apocalipse (2016, de Bryan Singer)



Em 2000, com o lançamento do primeiro 'X-Men', Bryan Singer revolucionou a franquia de heróis dos quadrinhos da Marvel, fazendo jus a escalar atores de peso para interpretar os tão famosos mutantes. De aí em diante, houveram 2 sequências nos anos seguintes, dois filmes focados na origem de Wolverine, um dos personagens mais importantes da franquia e desde então continuações têm sido lançadas de tempos em tempos fazendo a mesma coisa: contar tudo o que aconteceu antes do 1º filme. Histórias que se interligam com o passado e futuro, ao mesmo tempo que mostra tudo o que aconteceu antes, os filmes vão e voltam no tempo de maneira extraordinária. 'X-Men - Apocalipse' é o terceiro filme que estreou nos cinemas quinta-feira passada e tem passado por várias controvérsias.

Crítica: Perseguição (2016, de Branden Kramer)



Que os filmes Found Footage têm feito parte do cinema é fato. Todo mundo com certeza já conferiu algum, sabendo o quanto é agoniante e muitas das vezes chato. Com um dos temas mais reais que têm sido abordados mais em seriados do que em filmes, a perseguição virtual, chega ao acervo das locadoras o novo suspense relacionado ao mundo virtual e os perigos que ele carrega. Infelizmente, ninguém está seguro.

O Bebê de Rosemary: nada pode ser mais assustador que nossas próprias crenças




Quando John Lennon foi assassinado, em 1980, em frente ao prédio Dakota, onde morava, poucas pessoas sabiam, mas o local já havia sido cenário de outra história aterrorizante. A história em questão era ficção, mas nem por isso menos impressionante. Ali havia sido filmado ‘O Bebê de Rosemary’, clássico do terror que mesmo com o passar dos anos não se tornou menos assustador. 


Crítica 2: A 5ª Onda (2016, J Blakeson)



Crítica: Camelot (2011, de Chris Chibnall, Michael Hirst)




Sabemos que muitas são as adaptações já feitas do Rei Arthur. Seja na literatura, televisão ou cinema, as lendas medievais dele e seus cavaleiros encantam a todos os espectadores com os mistérios que seu reinado tinha. A cada nova tentativa de recontar essa história, os produtores fazem de tudo para manter a história o mais fiel possível. Infelizmente foi nesse quesito que eles pecaram.


Crítica: Tony Manero usa magia do cinema para fazer retrato de um psicopata




Quem nunca desejou ser como seu ator favorito, ou como aquele personagem clássico que conquista a todos? Essa é uma das magias do cinema, nos transportar para novos mundos e nos fazer sonhar. E é assim também com Raul Peralta, um chileno que, em 1978, não se cansa de assistir 'Os Embalos de Sábado à Noite'. O colorido das luzes da discoteca do filme contrasta com sua a vida real, em meio a um país assolado por uma das ditaduras mais cruéis da América Latina. O filme de John Travolta, que poderia ser apenas uma válvula de escape para esquecer as mazelas daquele cenário, no entanto, resulta em uma obsessão que revela um psicopata capaz das maiores atrocidades. 

Crítica: Cloverfield - Monstro (2008, de Matt Reeves)

Vencedores do sorteio dos ingressos de 'Capitão América: Guerra Civil'!


Olá pessoal, estou aqui para compartilhar os agradecimentos dos ganhadores do sorteio dos 3 pares de ingressos do filme 'Capitão América: Guerra Civil', da Marvel. Lembram? (para ver o sorteio click aqui). O resultado saiu dia 27/04 e os ganhadores foram: Joao Ari, Ana Carolina Gouveia e Mônica Bandeira. Entramos em contato com eles e entregamos os prêmios. Vamos ver agora os agradecimentos dos sortudos?

João Ari: "Grande dia o meu hoje bahh, fui ao cinema olhar 'Guerra Civil' que é um bhaita de um filmão e quando estou saindo para ir embora olha o por do Sol que eu vejo, sem palavras. Dia perfeito. Mas talvez nada disto teria acontecido se no fosse pelo blog ‪#‎MinhaVisãoDoCinema‬ que fez um sorteio e eu participei sem levar muita fé e não é que me dei acabei ganhando os ingressos hahah, viu só quando é pra ser não tem."








Ana Carolina Gouveia: "Obrigada Minha visão do cinema pelos ingressos ‪#‎CapitaoAmerica‬ ‪#‎GuerraCivil‬"




Mônica Bandeira: "Meio atrasada mas o que vale é a intenção. Fiquei muito feliz quando ganhei dois ingressos para ver o filme Guerra Civil! Foi uma experiência incrível graças ao blog! Valeu mesmo!"

É isso pessoal, é um prazer levar leitores e amigos para assistir um filmaço. Se você não leu ainda, acesse nossa crítica do filme aqui! E fique ligado pois em breve teremos outros sorteios e concursos culturais. Curta nossa página do Facebook na lateral direita do blog para não perder nenhuma novidade. Imperdível, somente aqui no 'Minha Visão do Cinema', cada vez mais próximo de você!



Crítica: Deus Não Está Morto 2 (2016, de Harold Cronk)




'Deus Não Está Morto 2' chegou aos cinemas recentemente e infelizmente não fez tanta bilheteria quanto seu antecessor, sendo visto por muitos como uma continuação desnecessária, mas isso não significa que o filme seja fraco. Ele é bom, tem uma história cativante e para quem não curte o tema, tem uma variedade de títulos para conferir. Entretanto o gênero Gospel tem aberto espaço no cinema, com filmes lançados se não de um a dois por ano e é assim que tem sido nos últimos anos.

Crítica 2: Bata Antes de Entrar (2015, de Eli Roth)





O mais novo trabalho do diretor Eli Roth, mestre dos filmes de terror cult ‘O Albergue’, ‘Cabana do Inferno’ e ‘Canibais’, chegou às telonas e dividiu opiniões. Enquanto alguns o assistem sem criar tanta expectativa, outros já de primeira não vão muito com a cara dele, não por causa pelo trailer, mas por conta da história. A importância de contratar um ator de sucesso para fazer esse papel foi estratégico da parte do cineasta.

TOP 10: Filmes para assistir Enrolado no Cobertor




O inverno ainda nem chegou mas o frio já veio com tudo, pelo menos aqui no sul do país. E nesse friozinho sair de casa dá uma preguiça né? Então nada melhor do que ficar em casa e assistir um bom filme, seja com a família, o amado(a) ou até mesmo sozinho, só você, o cobertor e uma bela xícara de chocolate quente! E pensando nessa vibe bicho preguiça”, selecionamos uma lista bem diversificada de filmes para te ajudar a ter um dia gostoso e aconchegante. Fica até o final que tem Bônus! So, let's get it started!


10º - Tudo Acontece em Elizabethtown (2005)


Assassin's Creed - lançamento do trailer




Para a alegria dos fãs, a espera pela adaptação cinematográfica da franquia de jogos e livros 'Assassin's Creed' está cada vez mais perto de acabar. A Fox lançou hoje o primeiro trailer oficial do filme, dirigido por Justin Kurzel e produzido pela Ubisobft. Apesar de se passar no mesmo universo dos jogos, a história do filme expande a mitologia da série, trazendo alguns novos elementos.