Crítica: Perseguindo Abbott (2015, de James McTeigue)




Algo que aprendi com os anos de experiência foi a de tomar cuidado com filmes lançados direto em DVD, não importa o gênero, a chance de um filme lançado diretamente em home video ser bom é pouco provável, na verdade a grande maioria é de uma qualidade mediana para ruim, mas, é claro sempre existem exceções, bem poucas, mas existem. Já vou logo avisando que 'Perseguindo Abbott' não é uma dessas exceções.

Na trama acompanhamos a funcionária Kate Abbott (Jovovivh) que trabalha para o departamento dos EUA na embaixada em Londres. Ela é responsável pela análise de pedidos de passaportes e vistos para o país. Ocorre que ela é acusada injustamente de ter explodido uma bomba que matou toda sua equipe. Agora na linha de fogo, sozinha, desacreditada e sendo perseguida por um assassino profissional conhecido como 'O Relojoeiro' (Brosnan), Kate deverá correr contra o tempo para se livrar das acusações e impedir os próximos ataques.



Mesmo com uma trama clichê o filme tinha tudo para ser razoavelmente bom, mesmo que fosse só por puro entretenimento. Infelizmente tudo que vemos em tela é um amontoados de cenas mal dirigidas, um suspense meia boca e uma ação nada empolgante. É incrível como os roteiristas conseguiram desperdiçar Milla Jovovich e Pierce Brosnan em papéis tão ruins. O pior de tudo é que ambos são conhecidos por papéis em filmes de ação, Brosnan por já ter sido o espião mais famoso do cinema '007' e Jovovich por ser a protagonista da franquia 'Resident Evil' então o mínimo que se esperava eram boas sequências de ação, que no final das contas se resumem a algumas explosões (que estão bem feitas) e uma perseguição das mais broxantes e sem nenhum pingo de tensão e empolgação. O talento dos atores sejam para lutas ou seja nas atuações não são explorados e ambos acabam entregando um trabalho bem mediano.

O roteiro também peca por apresentar uma história sem originalidade e previsível do início ao fim e ainda cheio de furos. Ele também consegue desperdiçar um ótimo elenco de apoio, compostos por nomes de peso com Dylan McDermott ('Invasão a Casa Branca'), Angela Bassett ('American Horror Story'), James D'Arcy (Agent Carter) e Frances De La Tour ('Alice no País das Maravilhas').



O terceiro ato que poderia redimir a produção do fiasco total é a parte mais negativa do filme, com uma conclusão horrível e com um embate entre a mocinha e o vilão dos mais ridículos que já vi, sem emoção, sem sofrimento e com uma conclusão rápida e preguiçosa. O diretor James Mc Teigue realmente não está com sorte em Hollywood, depois do excelente 'V de Vingança' o diretor só conseguiu piorar mais e mais com seus trabalhos, o que é uma pena.

Enfim, 'Perseguindo Abbott' é o típico filme de suspense/ação que não empolga, não envolve e não prende, pior, entrega um entretenimento mediano e genérico, desperdiçando um ótimo elenco, um diretor que pode ser melhor e o tempo de quem assiste.




NOTA: 5,0




Título Original: Survivor

Direção: James Mc Teigue

Elenco: Milla Jovovich, Pierce Brosnan, Dylan McDermott, Angela Bassett, James D'Arcy,  Frances Del La Tour, Parker Sawyers, Robert Forster, Sean Teale, Roger Rees, Rege-Jean Page, Jing Lusi, Genevieve O'Reilly, Antonia Thomas, Johnny Talbot, Benno Furmann, Alex Beckett, Malcolm Sinclair, Jean Baptiste Fillon.  


TRAILER: 

















Jackson Willian

3 comentários :

  1. Sua visão sobre o filme é 98% verdade, para quem não tinha nada o que fazer (eu) então aluguei e "gostei" do filme, óbvio que quem o assiste fica com muitas dúvidas sobre o desenrolar da história, o final do qual não convém comentar por questão de ética, realmente foi decepcionante apesar do já esperado. Parabéns pela crítica.

    ResponderExcluir
  2. Ainda não vi o filme, verei hoje, apesar da crítica, para formar meu próprio juízo. Embora formado em jornalismo, não me considero cronista de cinema, nem mesmo cinéfilo, apesar de frequentar as plateias desde os cinco anos de idade (tenho 75). É preciso não correr o risco de vetar trabalhos alheios porque alguém já disse: "quem sabe, sabe, quem não sabe senta e aplaude. Ou então vai ser critico de arte".

    ResponderExcluir