TOP 10 Filmes que farão você desmaiar

Certo. Eu mesmo admito que nunca cheguei ao ponto de desmaiar vendo um filme. Mas o que todos nós temos que admitir é que tem muito filme com sequências pesadíssimas e alguns deles que deixaram certos espectadores temporariamente inconscientes pelo choque durante a sessão.
Aqui vai um TOP 10 com alguns exemplares:

10 - PÂNICO NA FLORESTA 2 (Wrong Turn 2)

A cena? A exposição de um banquete prestes a ser preparado com muitas tripas e partes humanas.
"Para mim o desmaio passou longe, mas confesso que eu estava almoçando uma boa macarronada enquanto assistia na sala da minha casa pela primeira vez e simplesmente larguei o prato".

  


9 - O CHAMADO (The Ring)

A cena? Uma garota bizarramente desfigurada e morta é revelada repentinamente dentro de um closet.
"Eu fico curioso para saber se foi apenas eu que tive uma temporária cegueira - coisa de meio segundo - por conta do baita susto quando vi essa cena tão inesperada pela primeira vez."


8 - ABISMO DO MEDO (The Descent)

A cena? Uma criatura aparece de relance, ao longe, na escuridão da caverna e após olhar diretamente para nós, espectadores, some de forma intimidadora.
"É uma sensação tão real de que a criatura vai surgir no próximo segundo bem de cara com a gente que... Olha, a coisa fica feia!"


7 - A PAIXÃO DE CRISTO (The Passion Of The Christ)

A cena? Todas as torturas praticadas contra Cristo.
"Ao apostar em um forte realismo nunca antes empregado em qualquer outro filme sobre esse momento da vida de Jesus, o filme consegue ser muito mais violento e angustiante do que muitos do gênero de horror por aí. Fato confirmado que houve desmaios em sessões e até mesmo um homem chegou a sofrer um ataque cardíaco".


6 - IRREVERSÍVEL (IЯЯƎVƎЯSIBLƎ)

A cena? Um estupro realista até demais.
"É um filme todo estranho que acontece inteiramente de trás para frente, com direito à creditos finais rolando logo no início e tudo mais. A polêmica cena do estupro incomodou espectadores e eram muitos que iam deixando a sala".

 
5 - O ALBERGUE (The Hostel)

A cena? Um olho já mutilado tem o seu restante removido.
"Se alguma cena já chegou perto de me derrubar foi essa. Essa trilogia de filmes tem sequências pesadas demais. E na minha opinião essa é a 'pior' delas. Realmente pode levar ao chão os mais fracos."


4 - 127 HORAS (127 Hours)

A cena? Um homem corta o seu próprio braço fora.
"Aqui só temos mais uma vez a prova de que um drama sobre acontecimentos inteiramente possíveis da vida, pode ser muito mais perturbador do que um horror sangrento e fictício. Enquanto o ator James Franco interpretava a cena onde cortava o seu próprio braço, muitos passaram mal e deixaram a sala de cinema e isso é um fato".


3 - O EXORCISTA (The Exorcist)

A cena? Uma garota se masturba de forma sangrenta com um crucifixo
"Nem há muito o que dizer sobre esse. Essa sequência me assombrou por semanas e semanas depois que assisti pela primeira vez e na década de 70, quando o filme foi lançado, o mais comum era ter pessoas desmaiando a todo momento. Enfermeiros realmente eram posicionados nos saguãos dos cinemas".


2 - UM FILME SÉRVIO (A Serbian Film)

A cena? TODAS.

"Esse É o filme mais sujo, baixo e impactante de todos e só não vai para a primeira posição porque de fato não desejo incentivar ninguém a assísti-lo. Verdade mesmo. Com tantos filmes belos e inspiradores, vale mesmo à pena assistir esse que traz, por exemplo, uma cena de sexo com um recém-nascido? Acredito que para tudo existe um limite. Esse aqui é para desmaiar, enjoar e evitar".


1 - GUINEA PIG 2 - FLORES DE CARNE E SANGUE (Za Ginipiggu 2: Chiniku No Hana)

A cena? TODAS.
"Não existe uma estória. É só uma jovem sendo sequestrada e por fim desmembrada enquanto viva. Desprezível. Ponto final".


Mágico de Oz

8 comentários :

  1. Eu até gosto de filmes que dão aquele medinho, mas tem uns que são demais. Só assisti 3 dos que você citou. O albergue não dá para desmaiar e sim vomitar, é cada cena nojenta. A paixão de Cristo chorei horrores. E Panico na floresta 2 é muito nojento também.

    http://blogprefacio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Hehehe. Obrigado pelo comentário! E, olha, realmente não assista "Um filme Sérvio", então. Definitivamente pode rolar a coisa do desmaio O.o

    ResponderExcluir
  3. Para cenas da vida real sempre fui meio patife, mas me considero até bem resistente às cenas bizarras no cinema, acho que o fato de conhecer um pouquinho de produção, saber como tudo é feito, isso sempre me fez ver a coisa toda com um olhar meio "técnico" e, portanto, não me impressionar tanto, mas A Paixão de Cristo acabou com essa minha empáfia de cinéfila e pseudo cineasta amadora. Saí carregada.Vexame total.
    The hostel, idem. Não consegui ver inteiro. Tive um princípio de desmaio e tive que sair antes que o vexame se consumasse.

    ResponderExcluir
  4. Puxa vida! Bem, agradecemos por você compartilhar essas suas incríveis "experiências cinematográficas" com a gente.
    Volte sempre.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  5. me sentindo melhor após ler sua avaliação dos filmes!
    Sempre me senti meio ridícula por já ter saído desmaiada de salas de cinema algumas vezes devido a cenas bizarras. Sempre fiquei super envergonhada.
    Houve vezes tive que parar de ver o filme justamente por estar à beira do desmaio, e o que mais ouço dos amigos é que sou exagerada,Até evito ir ver o filme se sei que as cenas serão fortes por medo de dar vexame, mas agora, vejo que isso é mais comum do que eu pensava e que há certos filmes em que os caras é que exageram na dose mesmo! Valeu pela postagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por comentar, volte sempre. E sim, há filmes em que exageram na dose ...

      Excluir
  6. A minha "paixão" pelo cinema, diria mesmo muito precoce. Diria que sem cinema, mas aquele filme em que se sai da sala e pergunta-mos a nós próprios se já acabou. Sentir o pulsar só o facto de comprar o tal bilhete do acesso à sala é dizer um ritual que depois se concretiza com os bons momentos, os momentos menos bons, mas a razão de se gostar da 7ª Arte é toda uma avalanche de sentimentos que nos catapulta ao mais nobre dos sentimentos, e por falar de sentimentos, quando um filme a "meu entender" nos leva a desvirtuar simplesmente pelo "facto", repito "facto" somente para chocar, e que muitas vezes sem qualquer sentido ou rigor histórico ou outro sentimento qualquer senão chocar. Continuo a dizer que cinema seja com ou sem Óscar, obrigatoriamente tem que ter qualidade, porque falar-mos de filmes medianos, só para encher a sala do cinema, não, não o faço, ou seja reconheço mas por pouco que deixei-me levianamente ir na onda, mas que depois saí pior, do que quando entrei. Por tudo isto e muito bem este tema seria muito longo expressar o que vai na alma, mas muito resumido, Brain Palma, Sir Alfred Joseph Hitchcock, entre outros nomes sonantes, em que arte do cinema se mistura com o poder imaginativo e empolgante. O terror o horror misturado, só pode sair algo grotesco e sem sal nenhum. Não direi que atualmente ando divorciado do cinema, mas com a qualidade cada vez menos, com certeza que assim não vai lá. Para terminar, só uma pergunta; Porque será que se fala nestes últimos tempos em insucessos comerciais ! ! ! e as salas de cinema cada vez mais vazias. Por fim dizer que gostar de cinema, "amar" a 7ª Arte é uma necessidade, para o bem e para o menos bem, agora que se faça com qualidade, om cabeça tronco e membros. Parabéns por este blogue que afinal tem uma abrangência em todas as áreas. Desculpem os mais audazes, a porcaria que se faz neste cinema e como alguém diz e bem, é um legado que nos fica para a história, mas acima de tudo que nos faça sonhar, chorar, rir e pensar. Muito obrigado e um Bem Haja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado pelo seu belo comentário e dedicação ao cinema. Volte sempre aqui meu amigo, um forte abraço!

      Excluir