CRÍTICA : O COLECIONADOR DE CORPOS 2 (THE COLLLECTION)



Sinopse: Os amigos de Elena (Emma Fitzpatrick) decidem presenteá-la com uma festa secreta, mas acabam a transformando na mais nova vítima do Colecionador, um assassino psicopata. Ele a sequestra e a leva para um hotel abandonado, transformado em seu labirinto particular de tortura e morte. O pai rico (Christopher McDonald) da garota fica sabendo de seu desaparecimento, e contrata um grupo de mercenários para recuperá-la das garras do Colecionador. Os homens obrigam Arkin (Josh Stewart), o único homem que escapou da ira deste monstro, a guiá-los pelo terrível labirinto. Agora, ele terá que lutar por sua vida para salvar Elena.


Trailer:





Criticar sequências de terror pode ser complicado, até porque o gênero terror é o que mais tem filmes, mas ao mesmo tempo é o mais odiado; ou não! São tantos filmes e tantas possibilidades dentro deste universo que cada pessoa acaba tendo seus preferidos. Mas quando você dá sua opinião sobre tal filme, sempre será detonado por algum fã. Isso é normal, mas vamos lá.


O Colecionador de Corpos foi lançado em 2009, mas chegou aqui no Brasil direto para DVD, creio que no final do respectivo ano ou início de 2010. Não o assisti na época. Mas cerca de 5 meses atrás um amigo me emprestou diversas obras em DVD, e lá estava o filme. Como sou fã de terror, logo assisti ele. O Colecionador de Corpos trata-se de um excelente filme de terror slasher moderno! Para quem ainda não sabe slasher é o termo dado para filmes de terror onde um assassino ou família de assassinos mascarados ou deformados; matam aleatoriamente (ou não) suas vítimas, quase sempre adolescentes. Já tivemos excelentes clássicos como O Massacre da Serra Elétrica (1974), Halloween (1978) e Pânico (1996). O Colecionador de Corpos conseguiu fazer jus aos clássicos misturando elementos de forte violência em armadilhas e tortura, típico de filmes eficientes como O Albergue e Jogos Mortais. O primeiro filme recebe NOTA 9 fácil. O que dizer da sequência?





O Colecionador de Corpos 2 supera e muito o primeiro! Quem diria que no final de 2012 (ano fraco para filmes slasher e terror em geral) uma sequência não muito conhecida seria lançada e se tornaria um dos melhores filmes do ano! Foi o segundo melhor filme de terror de 2012, perdendo apenas para O Segredo da Cabana (leia a crítica aqui: http://minhavisaodocinema.blogspot.com.br/2012/08/por-tras-do-terror-critica-de-cabin-in.html).

Eu geralmente não gosto de filmes curtos. A história é mal desenvolvida por pouco tempo, então o filme acaba perdendo-se na ação ou terror. Mas este filme, mesmo com apenas 1 hora e 15 minutos, consegue um feito invejável. Não há muito o que enrolar, não há drama, romance nem piadas. Há apenas um show de horror, então o filme vai direto ao ponto. 1 hora e 15 minutos muito bem gastos. 

O elenco atua relativamente bem, o que é difícil neste tipo de filme. Principalmente os dois protagonistas: Josh Stewart, o sobrevivente do primeiro filme, e Emma Fitzpatrick, a mocinha deste segundo. Eles tem um olhar desesperado e com sede de sobrevivência que dificilmente veremos em filmes do gênero. O mesmo diretor do primeiro, Marcus Dunstan, mostra que domina o gênero terror. Ele usa poucos recursos e elementos conhecidos para fazer um filme eletrizante. Para quem não conhece ele, só dirigiu estes dois filmes do O Colecionador... Mas como roteirista, escreveu os roteiros de alguns capítulos das sagas Jogos Mortais, Piranhas, Banquete do Inferno e os próprios O Colecionador de Corpos.





Os efeitos especiais são bons. Os feitos em computador estão legais, mas os que envolvem maquiagem estão impecáveis. Um banho de sangue e corpos mutilados. O ritmo não cai nunca e se mantém eletrizante e horrendo até o último segundo. O filme é realmente ótimo para quem curte filmes fortes e violentos, porém bem feitos e intrigantes.

Concordo que é um filme de terror e não se pode comparar com obras dramáticas. Mas sou fã de terror, e mesmo sendo um filme destes, é um belo exemplar dentro do próprio gênero, que anda em baixa ultimamente. Todo universo criado no primeiro filme é ampliado aqui de maneira eficiente e claustrofóbica. O visual e a máscara do assassino, suas armadilhas, seus cães, sua casa e as pessoas que ele cria como animais. Tudo choca e é bem utilizado.




Não é todo dia que recebemos uma obra de terror tão bem feita. Então corra para as locadoras e sites de download e assista este que é um dos melhores e mais viscerais filmes de terror lançados por último. Deixa muito filme de assombração por trás das câmeras no chinelo. Supera o primeiro filme e alcança o nível dos primeiros Jogos Mortais e O Albergue. Altamente recomendado para os amantes do gênero. E fique atento à cena inicial na boate: chocante, extremamente forte e surreal, já é uma das mais clássicas e violentas cenas de 2012!

NOTA: 9,5

O filme em uma frase: Um ótimo filme que explora um horrível mundo de torturas, criado por uma mente assassina e diabólica.












Deixe seu comentário:


O Vigilante da Noite

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário :

Postar um comentário